Últimas

Adonai Armstrong Filho

Professor de Educação Física. Mentor de projetos de vida por meio da atividade física.
6/6/2024

Atividade física e movimento são o melhor remédio

Caros leitores, tudo bem com vocês? Espero que sim. Por aqui, tudo ótimo. Acredito que boa parte de vocês já tenha consciência de que a atividade física e o movimento são o melhor remédio. Foi assim que eu terminei o meu artigo anterior e resgatei essa frase por conta do convite que eu fiz ao neuropsicólogo Jonathan Orlandi, para colocarmos uma visão de forma multidisciplinar, da importância do exercício para as nossas vidas.

A prática esportiva sempre foi uma solução simples que encontramos para problemas complexos. Encontramos no esporte uma forma de tentar solucionar ou amenizar condições de saúde física ou emocional. Sim, o esporte parece ser uma solução automática, até diria simplista demais, como se fosse fácil manter a consistência. Nos apegamos à ideia de uma solução unilateral para nossos problemas. Se estamos deprimidos, ansiosos, queremos melhorar nossa autoestima ou perder peso, a prática de exercícios físicos, sem dúvida, ajuda! Pena que a curto prazo, não!

Adonai Armstrong Filho
:
Jonathan Orlandi fala sobre a importância da atividade física para a independência e o bem-estar.
23/5/2024

Dicas para seguir firme nos treinos durante o inverno

Eu sei, ainda não chegamos no inverno. Para sermos mais exatos, o inverno se inicia dia 20 de junho e vai até o dia 22 de setembro.

Mas por que abordar esse assunto desde já? A temperatura vem caindo, estamos no outono e, coincidentemente, este final de semana foi frio e chuvoso. “Ai, que preguiça, que vontade de ficar em casa!”

Adonai Armstrong Filho
:
Treinar no frio aumenta a queima de calorias, melhora a resistência e fortalece o sistema imunológico.
14/5/2024

Treino progressivo de pernas: 60 a 300 step ups em 12 semanas

Caros leitores, vocês estão prontos para um desafio? Calma, não se assustem! Eu sei que quando alguém fala em desafio, boa parte das pessoas pensa: “pronto, lá vem o maluco!”.

O que posso dizer a vocês é que um desafio é sempre bem-vindo, principalmente para sairmos da nossa zona de conforto. Aos que acompanham a minha coluna semanal, sabem que eu acabei de fechar um desafio de 30 dias em busca de uma melhora na parte física e nutricional. Mas calma, não é esse que vou propor a vocês. O que estou propondo a vocês, queridos leitores, é o “Desafio Pernas Fortes.”

:
6/5/2024

Desafio de 30 dias reduz peso e reforça aprendizados sobre saúde

Desafio de 30 dias reduz peso e reforça aprendizados sobre saúde

Fim do desafio. Será que consegui alcançar meu objetivo? Quem acompanhou o passo a passo pode perceber que a cada semana me esforcei para melhorar minhas metas e, logicamente, enfrentei alguns percalços, que são parte do processo. Iniciei o desafio com 82 kg e, após 30 dias, finalizei com 79,3 kg. E quais lições tirei desse período?

A principal é que milagres não existem, o que existe é consistência. Na última semana, tivemos um feriado, e aproveitei para encontrar amigos da faculdade e comemorar 22 anos de formatura. Quebrei a rotina da semana porque a vida e as amizades devem ser celebradas, e assim tentamos encontrar o equilíbrio. No dia seguinte, corri os 8 km que havia planejado.

:
29/4/2024

Terceira semana do desafio traz recomendações sobre músculos

Terceira semana do desafio traz recomendações sobre músculos

Caros amigos leitores, se vocês têm acompanhado a minha trajetória no desafio de 30 dias, saibam que após 21 dias seguimos firmes, embora com alguns tropeços, rolando, caindo e levantando.

Um fator relevante, antes de irmos aos números, é saber quantas calorias equivalem a 1 kg de gordura. Um quilo de gordura corporal equivale aproximadamente a 7.700 calorias. Isso significa que para perder ou ganhar um quilo de gordura, você precisa criar um déficit ou excesso calórico de cerca de 7.700 calorias.

Por que é importante
:
Descubra como o aumento de massa muscular pode elevar o metabolismo basal e auxiliar na perda de peso de forma eficiente.
22/4/2024

Desafio dos 30 dias de Adonai mostra evolução com ajustes simples

Depois de 14 dias de desafio, o que mudou?

Bem, amigos do desafio dos 30 dias, estamos falando ao vivo, diretamente da segunda semana do desafio. Seguimos firmes em busca da evolução, sem nenhuma mágica, somente com ajustes gradativos na alimentação e atividade física. Para uma percepção mais ampla, preciso voltar um pouco às informações do meu artigo da semana anterior. Na primeira semana de desafio, perdi 2 kg, e na segunda semana, o que vocês acham que aconteceu?

Uma das estratégias que usei na parte alimentar foi com relação à minha primeira refeição do dia. Eu acordo regularmente às 4h40 da manhã e normalmente tomo um copo de água e depois um copo de água com limão e cúrcuma, ou própolis, ou os dois (esse combinado não tem nada a ver com emagrecimento). Após isso, tomava um café preto, sem açúcar, com um sanduíche (misto quente, queijo quente) e lá por 7h30, quando tinha um intervalo, tomava mais um café com pão com ovo. Resumo: cortei o primeiro sanduíche do dia e fiquei só com o segundo. É uma mudança sútil.

Adonai Armstrong Filho
:
Descubra como pequenas mudanças na dieta e exercícios podem impulsionar a perda de peso e o ganho de massa muscular.
14/4/2024

Perda de peso inicial marca começo de desafio pessoal de saúde

Perda de peso inicial marca começo de desafio pessoal de saúde

Ninguém falou que seria fácil, mas também não é difícil. No último dia 8, eu me propus a iniciar um desafio. Nesse desafio proponho a evoluir passo a passo, com alguns ajustes na alimentação e na atividade física. Sem dietas malucas, sem restrições alimentares bruscas, sem nenhuma loucura de exercícios, somente uma diminuição sútil na parte alimentar, e um aumento gradativo da atividade física.

Dito isso, vamos ao que realmente interessa. Eu iniciei o desafio com 82 kg, e terminei a semana com 80 kg. Como faço todo o controle da minha rotina diária no meu smartwatch (todo mundo já sabe isso, risos), coloquei metas semanais com relação a quantidade de passos, distância de deslocamento, tempo de atividade, e gasto calórico.

Por que é importante
:
Professor inicia desafio de saúde, fazendo ajustes sutis na alimentação e aumentando atividades físicas. Com o auxílio de seu smartwatch, ele compartilha os primeiros resultados, incluindo a perda de peso e as mudanças nos hábitos diários.
9/4/2024

Entre astrologia e fitness, uma jornada de 30 dias por autoevolução começa

Adonai Armstrong Filho se desafia a chegar à 'melhor versão' em 30 dias

Caros leitores, quem de vocês nunca pensou em melhorar? Ser uma pessoa melhor, ser melhor na sua profissão, evoluir num esporte que gosta. A maioria de nós busca estar sempre evoluindo.

Uma semana atrás, eu e um amigo estávamos conversando sobre um filme recém-lançado. O filme Matador de aluguel é uma regravação de um sucesso de 1989. Esse filme tem sido muito comentado, principalmente por pessoas que trabalham com atividade física, por causa do shape do ator principal.

Adonai Armstrong Filho
:
Inspirado por um filme e um conselho astrológico, autor se lança em um desafio de 30 dias, focado em bem-estar e autoaperfeiçoamento. "Sem comparações, apenas evolução".
2/4/2024

Bicicleta, mais que transporte: um estilo de vida saudável

Bicicleta, mais que transporte: um estilo de vida saudável

Andar de bicicleta ou “andar de bike”, abreviação carinhosa do meio de locomoção utilizado por muitas pessoas. Eu sou uma delas. Minha lembrança mais antiga com a bicicleta foi quando aprendi a andar aos 5 anos, nunca me esqueci desse dia.

Fausto, um rapaz que trabalhava com meu tio, me empurrava pelo terreno da minha casa, várias e várias vezes, até eu conseguir pedalar e me equilibrar, e a partir desse dia eu nunca mais parei.

Adonai Armstrong Filho
:
Este relato pessoal explora como o ciclismo pode ser uma forma eficiente e sustentável de se locomover e exercitar, contribuindo para a saúde e o meio ambiente.
26/3/2024

Desconectar para conectar: caminhos para um estilo de vida saudável

Desconectar para conectar: caminhos para um estilo de vida saudável

Semana passada, falamos um pouco sobre a conexão de atividade física, tecnologia e natureza. Especificamente, de como a tecnologia pode ser usada para monitorar a prática de atividades físicas ao ar livre, como aplicativos de rastreamento de exercícios. Não podemos negar que a tecnologia veio para somar à vida moderna. Mas chegou a hora de falarmos um pouco da importância da desconexão.

Em quantas situações vocês já se depararam com um grupo de pessoas que, ao invés de conversar, estão no celular, conversando virtualmente, ou fazendo qualquer outra coisa que está bem longe dali, e deixando de viver aquele momento de troca presencial?

Adonai Armstrong Filho
:
Refletindo sobre a relação entre tecnologia, atividade física e natureza, esse artigo aborda a importância de reservar momentos para se desconectar das telas.