Corrida para a Prefeitura de Curitiba

Opinião

Lazer e atividade física em época de férias: dicas para não perder o ritmo

Confira estratégias eficazes para manter seu condicionamento físico durante as férias.Confira estratégias eficazes para manter seu condicionamento físico durante as férias.
Kingbull
/
Unsplash

Com a chegada de um novo ano, muitos fazem promessas de mudança, especialmente em relação à atividade física e à alimentação saudável. Após um dezembro repleto de encontros e festividades, como Natal e Ano Novo, manter um regime de exercícios e dieta balanceada se torna um desafio. Para muitos, o período entre a última semana de dezembro e a primeira de janeiro é uma pausa no trabalho, um momento ideal para viajar com a família e desconectar-se das obrigações profissionais.

Neste contexto, surge a seguinte questão: como manter o condicionamento físico durante as férias? Não há uma solução única ou uma fórmula mágica para manter a forma física. É mais sobre encontrar o que melhor se adapta a cada pessoa. A resposta pode estar no bem-estar mental, na desconexão do trabalho e dos problemas, e no relaxamento em meio à natureza, família e amigos.

Entre as estratégias pessoais, pode-se optar por correr dia sim, dia não, estabelecendo uma distância diária que não seja muito desafiadora. Outras atividades como caminhadas, surf, frescobol, esportes com bola, ou ciclismo também são recomendadas. Até mesmo exercícios de força que não requerem equipamentos, como flexões e abdominais, podem ser incorporados. O importante é se manter em movimento, buscando atividades ao alcance de cada um, de maneira agradável e saudável.

Última atualização
16/1/2024 10:19
Adonai Armstrong Filho
Professor de Educação Física. Mentor de projetos de vida por meio da atividade física.

'Memórias de chá', novo livro do CIS, ganha vida com homenagens e relatos

'Memórias de chá', novo livro do CIS, ganha vida com homenagens e relatos

Jane Hir
20/4/2024 9:27

Já faz algum tempo (acredito que esse seja um presente do envelhecimento) que venho aprendendo a saborear os momentos vividos. É como se relesse com atenção uma parte da história que ainda estou construindo.

Há duas semanas, escrevi sobre a apresentação do livro Memórias de chá, escrito pelas educandas do Centro de Integração Social (CIS). Nesse evento, uma cena se destaca entre as minhas lembranças: a diretora da unidade presta uma linda homenagem ao seu pai para representar, naquele momento, o leitor.

Pateta no trânsito: reflexões sobre raiva e autocontrole

Controlar o 'Pateta interno' pode transformar sua condução

Carolina Schmitz da Silva
20/4/2024 9:08

Na minha infância, lembro-me de assistir ao filme do Pateta no trânsito, uma animação da Disney na qual ele se transforma em uma pessoa raivosa ao dirigir. Aquela mudança de humor ao entrar em um carro me impressionava profundamente.

Agora, como adulta, vejo-me controlando meu Pateta interno e, em alguns momentos, percebo sua força crescer enquanto dirijo. Tendo consciência de quando ele domina, reconheço quão inadequado ele é.

Cidade Capital é um projeto de jornalismo.

47.078.846/0001-08

secretaria@cidade.capital