Hoje

Corrida para a Prefeitura de Curitiba

Brasil

Julgamento que pode cassar mandato de Sergio Moro é marcado para 8 de fevereiro

O julgamento do senador Sergio Moro (União-PR) é realizado próxima quinta-feira (8), e pode resultar na cassação de seu mandato.O julgamento do senador Sergio Moro (União-PR) é realizado próxima quinta-feira (8), e pode resultar na cassação de seu mandato.
Marcello Casal Jr.
/
Agência Brasil

O julgamento do senador Sergio Moro (União-PR) foi marcado para a próxima quinta-feira (8) pelo Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), podendo resultar na cassação de seu mandato. A data foi definida após o desembargador Luciano Falavinha, relator do caso, liberar o processo para julgamento.

O senador é alvo de ações movidas pelo Partido dos Trabalhadores (PT) e pelo Partido Liberal (PL), acusando-o de abuso de poder econômico devido a supostos gastos irregulares durante a pré-campanha eleitoral em 2022. Em dezembro do ano passado, o Ministério Público Eleitoral (MPE) do Paraná manifestou-se a favor da cassação, citando o uso "excessivo de recursos financeiros" antes do período oficial da campanha eleitoral.

Moro, que inicialmente realizou atos de pré-candidatura à Presidência da República em 2021 pelo Podemos, migrou sua campanha para o Senado após deixar o partido. A acusação aponta que houve uma "desvantagem ilícita" em favor de Moro em relação aos outros candidatos ao Senado, com gastos aproximados de R$ 2 milhões em eventos de filiação, produção de vídeos e consultorias.

Caso haja cassação, Moro tem o direito de recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sediado em Brasília. Uma eventual manutenção da condenação acarretaria a convocação de novas eleições para o Senado no estado do Paraná.

Durante o processo, a defesa do senador refutou as acusações, alegando que são de natureza política. Segundo a defesa, os gastos relacionados à pré-campanha presidencial não devem ser considerados na campanha para o Senado, pois envolvem um cargo de votação nacional e outro de abrangência estadual.

Última atualização
5/2/2024 11:42

PIB do Brasil registra crescimento de 2,9% em 2023 e atinge R$ 10,9 trilhões

PIB do Brasil registra crescimento de 2,9% em 2023 e atinge R$ 10,9 trilhões

Redação Cidade Capital
1/3/2024 11:52

O Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil registrou um crescimento de 2,9% em 2023, totalizando R$ 10,9 trilhões, de acordo com informações divulgadas nesta sexta-feira (1°) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esse aumento sucede uma expansão de 3% observada em 2022.

O avanço do PIB no último ano foi liderado por um aumento recorde de 15,1% no setor agropecuário, marcando o maior crescimento desde o início da série histórica da pesquisa, em 1995. Os setores da indústria e de serviços também apresentaram crescimentos, com taxas de 1,6% e 2,4%, respectivamente.

Existir através da arte: gravuras ativistas exploram temática LGBTQIAP+

Existir através da arte: gravuras ativistas exploram temática LGBTQIAP+

Gracon
1/3/2024 10:22

Este texto abordará gravuras que tenho realizado desde 2020 na técnica de xilogravura com temática LGBTQIAP+, em repúdio ao elevado índice de mortes desta população em nosso país, que é o maior do mundo.

De acordo com o Grupo Gay da Bahia (GGB) e a Aliança Nacional LGBTI+, por exemplo, no ano de 2021, ocorreu uma morte a cada 29 horas.

Cidade Capital é um projeto de jornalismo.

47.078.846/0001-08

secretaria@cidade.capital